brincadeiras inteligentes

Conheça 6 brincadeiras inteligentes para pais e filhos

Você sabe como ajudar seu filho nas tarefas escolares?

Você sabe o que são brincadeiras inteligentes? Esse é um termo que ganhou força nos últimos anos, estimulado principalmente por pedagogos e psicólogos, devido aos benefícios que são proporcionados às crianças por algumas brincadeiras. Isso porque elas não têm apenas a função tradicional de entreter e gastar a energia dos pequenos.

Elas vão além, permitindo que a diversão também seja fonte de desenvolvimento das funções cognitivas — que estão diretamente relacionadas à inteligência, à capacidade de aprendizado e retenção de informações e à maneira de lidar com as situações-problema que surgem no decorrer da vida.

Diante de tudo isso, resolvemos listar alguns exemplos de brincadeiras que podem ser exploradas entre pais e filhos e mostrar quais funções cognitivas cada uma trabalha. Acompanhe e saiba mais!

1. Jogos de tabuleiro

Iniciamos com o jogo de tabuleiro, que é um dos exemplos mais clássicos que mostram a importância do brincar coletivamente. Por existirem vários modelos, não há só uma forma de jogá-los. Tudo dependerá dos objetivos de cada um (conquistar o maior número de peças, avançar todas as casas, ganhar os itens colecionáveis etc.).

O ponto alto dessa brincadeira é que as crianças precisam utilizar o raciocínio, tanto lógico quanto abstrato, para antecipar os movimentos do(s) oponente(s), montar estratégias para sair na frente, traçar formas de recuperação e ainda pensar em contragolpes que impeçam a sua derrota. Ou seja, é ação do início ao fim, para deixar a mente dos seus filhos mais ativa, ágil, intuitiva e perceptiva.

2. Contação de histórias

Outra das brincadeiras inteligentes que permitem um bom tempo com os filhos é a contação de histórias. Ela funciona da seguinte forma: a criança é desafiada a pensar em uma narrativa do zero, a partir de palavras-chaves que são dadas a elas. Por exemplo, inventar uma história a partir das palavras princesa, montanha e laranjas.

As histórias podem ser curtas ou longas. O interessante é ver como a garotada recorre à imaginação para contar algo que não só faça sentido, mas que tenha início, meio e fim. É um exercício constante de criatividade.

Além disso, essa atividade é muito boa para desenvolver a concentração em múltiplas tarefas, uma vez que a criança está narrando o conto ao mesmo tempo em que interage com os adultos e explora o ambiente, entre outras ações que lhe são demandadas durante a brincadeira.

3. Jogo das perguntas

O jogo de perguntas, por sua vez, é uma brincadeira baseada em cartões, que contêm questões rápidas sobre algum tema, envolvendo matemática, ciências, português, história, geografia etc.. A proposta dele é descobrir o quanto as crianças estão por dentro daquele assunto e o quão rápido elas utilizam o pensamento crítico e a memória para chegarem a uma resposta.

Vale mencionar que o jogo de perguntas é uma estratégia divertida e dinâmica para revisar matérias. Isso porque ele permite que a criançada tenha uma noção sobre em quais tópicos elas têm mais facilidade de aprendizado e em quais precisam de um reforço, para que sejam totalmente dominados.

conheca-as-escolas-seb

4. Acampamento

A quarta brincadeira da nossa lista é o acampamento, que funciona de forma bem simples: você propõe uma noite de aventura para a criançada. Para tanto, todos devem dormir no jardim ou no quintal da casa por uma noite, como se estivessem na floresta.

A ideia é realmente embarcar na imaginação, usando barracas, lanternas, colchonetes e afins. Durante a experiência, dá para investigar a natureza ao redor de vocês e passar bons minutos observando o céu e as estrelas, aprendendo sobre astronomia. Dá até para fazer um lanche ao ar livre, com direito a marshmallows e outros petiscos.

Para tornar a atividade ainda mais desafiadora e proporcionar mais autonomia para os pequenos, os adultos podem acampar de um lado e as crianças do outro. Assim, você vai observá-las durante a noite, mas dando a liberdade para que aproveitem ao máximo o momento, sem depender de terceiros, e ainda façam descobertas por conta própria.

5. Qual é a música?

Além das brincadeiras inteligentes já mencionadas, também há o quiz de “qual é a música?”. A dinâmica consiste em tocar, por alguns segundos, o instrumental de alguma canção que as crianças já tenham escutado mais de uma vez ou até mesmo aquelas melodias com as quais os seus filhos já estejam familiarizados.

A partir daí, eles precisam descobrir de que música se trata sem pistas extras. Esse é um jogo que, como você já deve ter percebido, trabalha bastante a memória. Outro ponto interessante é que pode ser desenvolvido facilmente em duplas, trios ou mesmo grupos, quando todas as crianças da família estão reunidas, o que o torna ainda mais divertido e emocionante.

6. Adivinhação

Por fim, temos a adivinhação, a qual requer que os pequenos tenham a habilidade de interpretar o que é dito. Ela pode ser colocada em prática por meio de três ou quatro características que remetam a alguma coisa ou pessoa que a criança conheça.

A cada dica dada por você, a criança tem uma chance de dizer o que acha que é, com base na interpretação que fez. Se errar, é a vez de outra criança tentar acertar por meio das pistas.

Se todas as chances forem usadas e ninguém descobrir do que se trata, você revela qual é a resposta correta. Por exemplo, as dicas podem ser: macaco, natureza, espaço fechado e visitas. Todas essas dicas se referem a um local existente em muitas cidades: o zoológico.

Deu para ver que as brincadeiras inteligentes são muito mais do que simples passatempos, não é mesmo? As crianças se divertem, aproveitam mais tempo de qualidade com os pais e ainda desenvolvem competências que vão ajudá-las na escola e na vida, como a autonomia, o raciocínio lógico. Por isso, invista mais nelas e veja os resultados que vão dar.

Gostou deste post sobre brincadeiras inteligentes para crianças? Se você quiser ficar por dentro de outras atividades educativas para os pequenos, não perca tempo e curta já a nossa página no Facebook para acompanhar todas as novidades!